17 de outubro de 2018

5 dicas para ter mais estabilidade financeira

5 dicas para ter mais estabilidade financeira

Estabilidade financeira, objetivo impossível de alcançar, não é mesmo? Nada disso! Apesar de não ser uma tarefa muito fácil, com muita organização, foco e trabalho duro, é possível chegar lá. Já pensou em reduzir os gastos e começar a economizar? Esse pode ser o começo do caminho. Para te ajudar a percorrer essa estrada, separamos 5 dicas para alcançar a estabilidade financeira. Confira!

 

Reduza os gastos

 

Sim, como já dissemos esse é o primeiro passo. Pare, pense em todas as suas despesas mensais, todos os seus gastos. Liste cada um deles, assim fica mais fácil de visualizá-los. Avalie quais são os gastos supérfluos, aqueles que podem ser cortados da sua rotina. E tente evitá-los. Por exemplo, os gastos com fast-food nos fins de semana ou aqueles com chocolates e doces após o almoço. É hora de pensar melhor e deixá-los de lado. Sim, pode parecer que não fará diferença, mas ao fim de cada mês você se surpreenderá.

 

Outra dica importante é pensar bem na hora das compras. Será que ao entrar nas lojas você compra só realmente o que necessita? Ou sai com diversas sacolas nas mãos? Não se deixe levar pelas promoções, descontos, na hora da compra, leve somente o necessário.

 

Invista seu dinheiro

 

Aquele antigo hábito de guardar dinheiro no colchão, seguido à risca por nossos avós, não é a melhor opção. O dinheiro deve ser aplicado para que se tenha rendimentos. Se você ainda possui algum receio, comece com um pequeno investimento. A poupança bancária é uma boa escolha inicial. A partir dela, você poderá guardar o lucro mensal, assim, será possível realizar novos investimentos no futuro. Procure por uma instituição financeira da sua confiança, solicite a apresentação das opções de investimentos ofertadas por essa empresa. Conheça todos os procedimentos para abrir uma conta poupança. Não tenha vergonha de retirar todas as suas dúvidas. Quando o assunto é dinheiro, é necessário ter certeza das ações a se tomar.

 

Saia do aluguel

 

Alcançar a estabilidade financeira para conquistar a casa própria, desejo comum entre aqueles que estão presos ao aluguel. Para tornar-se proprietário, deixando para traz a vida de inquilino é necessário organizar os seus gastos. Ao avaliar o quanto você pode economizar, é possível visualizar uma média da quantia que poderá ser reservada. Todo mês você deverá guardar essa quantia, para alcançar futuramente, o financiamento ou até mesmo, a compra imediata de um imóvel.

 

Para realizar esse sonho, você deve controlar seus gastos. Criar uma planilha e registrar todas as despesas nela é muito importante. Assim, a gestão da sua rotina financeira torna-se mais eficiente. Você cria um hábito de analisar os gastos. Começa a avaliar as melhores formas de pagamento, o limite do uso do cartão, as melhores práticas para garantir esse controle financeiro.

 

Mude certos hábitos

 

Ir ao trabalho todos os dias de carro, deixar luzes acesas durante o dia, tomar banhos demorados, almoçar em restaurantes caros, enfim, a lista de hábitos que podem ser substituídos por outros mais econômicos é extensa. Algumas mudanças, além de gerar economia de dinheiro, podem fazer bem para a saúde e para o meio ambiente.

 

Optar por ir ao trabalho caminhando ou utilizando a bicicleta, por exemplo, gera benefícios físicos, pois, você se exercitará e, para o meio ambiente, já que será menos um veículo na rua liberando gás carbônico e monóxido de carbono no ar.

 

Avalie os preços e as melhores formas de pagamento

 

Para ter estabilidade financeira é fundamental que ao quitar as suas compras, você avalie os valores cobrados e as melhores formas de pagamento. Nesse caso, a dica é fazer uma pesquisa de preços, compare as ofertas em estabelecimentos diferentes, verifique os descontos. Sempre tente optar pelo valor que caiba em seu bolso. Afinal, não adianta ter a estabilidade financeira como objetivo, sem ter regras para os gastos, sem respeitar a sua realidade financeira.

 

Cuidado com o uso do cartão de crédito e com os parcelamentos. Essas são boas ferramentas para os consumidores, desde que utilizadas com conhecimento e critérios. Como sabemos, o cartão de crédito é um dos principais causadores dos endividamentos por todo país.

 

Enfim, para alcançar a estabilidade financeira, ter controle, foco e gerir sua rotina de gastos fazem parte do caminho.

 

Agora que você já viu que é possível poupar, que tal ler mais sobre como financiar uma apê em quatro passos? Para acompanhar mais conteúdos como esse, se conecte à GranCorp nas redes sociais!

 

Foto: Freepik

Fique por dentro das
novidades da GranCorp

GranCorp: Grande como seus Sonhos!

Waiting for click

Clique aqui
e simule o seu
Financiamento
Simulegrancorp